Entrevista com Robson dos Reis

Entrevista realizada pela equipe do Borboleta Literária:


01. Primeiramente nos fale um pouco sobre você.

Meu nome é Robson dos Reis, nasci em Brasília no ano de 1989 e, ainda hoje, moro na cidade. Passei a infância cercado de livros. Sempre gostei de ler, escrever e sonhar.

Aos quatorze anos escrevi meus primeiros contos, mas apenas aos dezesseis anos comecei a escrever poemas, os quais construíram o meu primeiro livro, Realidade Sonhadora.

Atualmente, sou formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e estudante de Música. Apesar das atividades diversificadas, ainda consigo tempo para continuar escrevendo.

 02. Você se inspira em outros autores pra escrever? Se sim quais?

Apesar de ter um estilo próprio, me inspirei em alguns autores para a escrita de alguns de meus textos. Entre eles estão Clarice Lispector, Caio Fernando Abreu, Machado de Assis, José Saramago, Fernando Pessoa, etc.

 03. De onde surgiu a motivação para ser escritor?

Gosto de escrever desde criança. Escrevia sobre tudo, sobre alguém, sobre um sentimento, sobre um acontecimento… A partir daí, não parei de escrever. Criei um blog para expor meus poemas, contos e pensamentos, participei de vários concursos literários e comecei a atuar como colunista de alguns sites.

 04. Alguém te influenciou? Quem?

Na verdade, não tive influências para começar a escrever e me tornar escritor, mas sim um grande incentivo por parte da família, de amigos, de professores. Escrever é um dom que cresce na alma, no coração.

 05. Porque você gosta de escrever?

É difícil responder a essa pergunta. Gostar de escrever é natural em mim. Gosto de ter tudo escrito, gosto de escrever para relembrar o que passou ou para imaginar o que pode acontecer, é como viajar no tempo.

 06. Você utiliza algum material como referência para escrever, ou é pura e simplesmente inspiração momentânea?

Costumo dizer que o tempo é a minha maior inspiração. Normalmente, sinto inspiração de repente, com a chuva que cai, com as pessoas que passam por mim, com um acontecimento feliz ou triste… daí basta uma caneta e um pedaço de papel. Também gosto de ouvir música enquanto escrevo, faz com que eu sinta uma interação com o que estou escrevendo.

 07. O que você mais gosta nas suas histórias?

Gosto muito das idas e vindas através do tempo que crio através dos meus pensamentos. Isso faz com que eu entre em devaneios, me desligo do mundo real.

 08. No que começar a escrever afetou na sua vida?

Começar a escrever foi muito positivo para minha vida. Em todas as áreas que atuo, vejo que a escrita tem me dado muitas facilidades. Não consigo me imaginar sem gostar de escrever, faz parte do que sou.

09. Qual foi o seu primeiro livro publicado?

O livro Tempo de Papel foi o meu primeiro livro publicado, apesar de já ter escrito o livro Realidade Sonhadora como projeto para a escola. O livro Tempo de Papel foi lançado este ano e contempla tanto poemas do livro Realidade Sonhadora como poemas do blog Tempo de Papel.

10. Atualmente, tem quantos publicados?

Apenas o livro Tempo de Papel foi publicado oficialmente.

11. Qual a sensação de ver um livro publicado?

É incrível! É a realização de um sonho. Não imaginava que seria assim um dia, sinto orgulho de mim mesmo. Fiquei muito feliz quando peguei o meu primeiro exemplar… fico sem palavras para expressar tudo o que senti. E é gratificante saber que outras pessoas gostaram do que escrevi, ver que o meu livro está em lugares onde eu nem imaginava que estaria.

12. Quando começou a escrever e quando você percebeu que queria escrever?

Comecei a escrever contos aos quatorze anos por incentivo de professores. Aos dezesseis anos, despertei o gosto por poesia e, por receber muitos elogios e convites para escrever para alguns eventos da escola, comecei a perceber que eu podia ir além.

13. Espera publicar outros?

Sim, espero publicar muitos outros livros e contribuir com a literatura brasileira.

14. Acha que a internet é um bom meio de divulgação?

Com certeza. Foi através da internet que tive maior parte da divulgação do meu trabalho. Hoje, com a facilidade de acesso à internet por meio da população, se torna mais fácil a divulgação de novos escritores, poetas, músicos e outros artistas.

15. Onde podemos ter mais informações sobre você e suas obras?

Todas as informações sobre mim e minhas obras estão centralizadas no blog Tempo de Papel: https://tempodepapel.com.br/. No blog estão os links para as redes sociais e informações para contato e de venda do livro Tempo de Papel.

16. Nos fale um pouco sobre alguma de suas obras.

O livro Realidade Sonhadora e o livro Tempo de Papel possuem estilos bem parecidos, apesar de terem sidos escritos em épocas diferentes. Em ambos, eu escrevo sobre sentimentos, lembranças, sonhos, alegrias, tristezas… Mas, no Tempo de Papel, vejo que eu tive um maior amadurecimento na escrita, uma maior explanação de tudo o que me inspira. Nele escrevi sobre o mundo, sobre o tempo… fui além do que existia apenas em mim. Alguns poemas do Realidade Sonhadora foram adaptados para o Tempo de Papel e, foi com isso, que percebi essa diferença. O primeiro poema do livro Tempo de Papel se chama Brand New Start (Novo Começo, em português), que representa o começo de um novo estilo de poesias, de novos pensamentos, novos sonhos… que são compartilhados com o mundo todo.

Obrigada pela entrevista! Espero que você continue publicando muitos e muitos livros. Encerrando esta entrevista, gostaria de dizer algo aos leitores do blog Borboleta Literária?

Primeiramente, gostaria de agradecer a equipe do blog Borboleta Literária pelo interesse e divulgação do meu trabalho. E, aos leitores do blog, foi um prazer partilhar um pouco sobre mim e sobre minhas obras com vocês. Deixo aqui o meu incentivo para aqueles que querem se tornar escritores. Saibam que não é fácil se tornar escritor, publicar um livro, mas, como eu já disse, escrever é um dom, e, se você o possui, faço-o crescer cada vez mais.. é essa vontade que irá fazer com que você sonhe e transforme tudo isso em realidade. Um grande abraço a todos.

Robson dos Reis

*********************************************************************************

Como podem ver, pessoal, o Robson Reis é apaixonado pelo que faz.

Então que tal conhecer o trabalho dele?

Até a próxima pessoas lindas!!

Beijos e borboletas

Fonte: Borboleta Literária

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s